quarta-feira, 22 de julho de 2009

LEITURAS INTERESSANTES


A História Viva de Uberaba

Natural de Itabira, Minas Gerais, o autor, Décio Bragança Silva, é uberabense de coração. Seminarista de formação franciscana, aos 12 anos, já lecionava e é conhecido por sua maneira irreverente de ensinar. Para ele, a verdadeira educação é aquela que vem seguida pela libertação através do amor. Lecionou nos Colégios: Marista Diocesano e Nossa Senhora das Dores, na Faculdade de Ciências e Letras Santo Tomás de Aquino (FISTA) e, hoje, atua na Universidade de Uberaba (UNIUBE).

Nesta obra, Décio relembra o projeto “Encontros – O pensamento Vivo de...”, um dos vários da área de extensão da UNIUBE, cujo objetivo era recontar a história de Uberaba por meio das pessoas. “Afinal, é o homem que faz a história”.

Na apresentação, Lídia Prata conta que, durante 40 semanas, Décio ouviu algumas das mais expressivas personalidades uberabenses e essas entrevistas – contendo interessantes depoimentos, sequenciados nos itens: infância, família, escola e professores, profissão, o amor, o homem e temas particulares de domínio de cada entrevistado – foram publicadas, aos domingos, no Jornal da Manhã e retratam o pensamento vivo daqueles que fazem a história desta cidade. O livro reúne todo o trabalho desenvolvido em 1993.

Além dos depoimentos, o livro apresenta os capítulos: “O pensamento vivo dos jovens sobre o amor” e “O pensamento vivo de professores sobre a educação”, “As pessoas por uberabense” e a preferência musical dos entrevistados.

A capa do livro é a reprodução da pintura de Anatólio Magalhães “A praça em três tempos”, exposta na Câmara Municipal de Uberaba.

Outras obras no acervo do APU:
Diário de um libertário (2007)

Marise Diniz

Nenhum comentário: