quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

A SUPERINTENDÊNCIA DE ARQUIVO PÚBLICO APRESENTA UM BALANÇO FAVORÁVEL EM 2013

Várias realizações aconteceram na Superintendência como, a conquista de acervos do Jornal Lavoura e Comércio, O Sorriso, Uberaba- Jornal, Coleção Circo-Teatro, livros, revistas, DVD’s, artigos, monografias (teses de mestrado, doutorado e Trabalhos de Conclusão de Curso..
A instituição recebeu visitas importantes, entre elas do Arcebispo de Uberaba D. Paulo Mendes Peixoto para conhecer o acervo e a forma de acondicionamento e preservação dos documentos. Pela primeira vez um Arcebispo visitou a instituição e deu indicativos favoráveis para que os pesquisadores da Superintendência tenham acesso aos ricos acervos da Arquidiocese, assim como das Igrejas da Catedral e da Adoração Perpétua. Dessa forma os pesquisadores da Superintendência passam a ter maiores subsídios para aprimorar a pesquisa histórica.  A visita foi muito importante no sentido de estabelecer uma parceria com a Cúria, em nome da preservação da memória histórica do município, para que as gerações futuras possam conhecer a história da cidade e Região.
Outra visita importante à Superintendência foi da diplomata da Eslovênia Darja Radic, ex-ministra da Economia em 2010 e 2011 e do cientista Matjaz Kunave, responsável pela pesquisa em “Energia Verde” e a produção de um papel específico para a restauração de documentos, muito importante para os trabalhos da Superintendência. A visita também abre um caminho para promover em Uberaba o turismo histórico com a Eslovênia.
      Marcou presença na Superintendência o embaixador da Namíbia Lineekela J. Mboti, que falou sobre os motivos que o trouxeram à Uberaba, dentre outros, conhecer as formas de criação de gado e os Programas do Governo Federal, como o “Bolsa Família” e conhecer a história de Uberaba. A superintendência de Arquivo demonstrou que a instituição é uma das principais detentoras de documentação do município e da história de Uberaba e da região.
A instituição também recebeu os pesquisadores russos Fedor Ratnikov e Anastasia Zhukovskaya, que estão desenvolvendo um projeto cultural na área fotográfica. Nessa ocasião, estiveram em Uberaba para pesquisar imagens relativas às manifestações culturais, históricas e religiosas de Uberaba e região e também outras regiões do Brasil. Publicam suas experiências em um Blog e pretendem publicar na Russia um livro de fotografias e uma revista referente às histórias vividas em suas viagens, entre elas, a de Uberaba.
 A Superintendência de Arquivo Público em parceria com o Instituto Agronelli lançaram em novembro o livro “Meu Bairro tem história, Eu tenho Futuro”. Essa edição conta com histórias dos alunos de algumas escolas estaduais e municipais. O livro faz parte do projeto “Cultivando Cidadania: Cultura e História do Meu Bairro”.  Esse projeto é importante, pois reconstrói a história dos bairros, fazendo com que os alunos se identifiquem e se insiram no espaço. Ele amplia a cidadania, que é de extrema importância.

 Em agosto de 2013 a instituição recebeu a visita do Secretário da Cultura de Delta - Marcelo Lúcio Costa e da Coordenadora da Biblioteca- Elizabete Rosa Cruz Santos para que a Superintendência preste um apoio e orientações técnicas para a montagem e estruturação do Arquivo Público daquela cidade, em consonância com as normas nacionais de arquivo (CONARQ). O Secretário Marcelo julgou proveitosa a visita pelas informações esclarecedoras que obteve para iniciar a organização do Arquivo e na oportunidade solicitou a parceria da Superintendência de Arquivo Público de Uberaba para cooperar com esse trabalho em Delta.

A Superintendência de Arquivo Público orientou as Secretarias Municipais de Uberaba para cumprirem a política de Gestão de Documentos e Informações Municipais – GSDIM. Ressalta a importância do prosseguimento da gestão de documentos e informações municipais – GSDIM, implantada pela Lei 10082/2006, como forma de assegurar a organização, controle, proteção e preservação do patrimônio documental arquivístico da cidade de Uberaba.
     Algumas ações educativas foram desenvolvidas com o projeto “Ações Educativas: Diálogos Entre a História, a Educação e a Cultura”, que tem como objetivos valorizar a história do município e fortalecer o sentimento de identidade nas crianças, adolescentes e jovens. O Projeto desenvolve ações que estimulam nos estudantes, a curiosidade, o diálogo, à valorização e  o reconhecimento da importância da história de Uberaba, da preservação e das referências históricas, incentivando o protagonismo dos estudantes. Assim, desenvolve também conteúdos de Educação Patrimonial como: memória, bem cultural, patrimônio. O Projeto Ações Educativas oferta à comunidade escolar “Encontros de Formação para os Docentes”, com visitas temáticas monitoradas para os estudantes abordando e discutindo conteúdos como: “A Escravidão em Uberaba” e “Uberaba na Segunda Grande Guerra Mundial”, além de outros temas significativos.
A Superintendência de Arquivo mantém parceria com a UFTM, com o apoio da CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – onde a Universidade Federal do Triângulo Mineiro desenvolve o PIBID - Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência, com o objetivo de aperfeiçoar e valorizar a formação de professores da Educação Básica. 
A Superintendência promoveu o Primeiro Encontro de Arquivos Públicos Municipais do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, fato inédito na instituição, que reuniu aproximadamente cem pessoas para discutirem as políticas de arquivos públicos municipais com a participação de técnicos, historiadores, advogados e arquivistas de renome no país.
A instituição participou de todos os eventos de Ação para o Bem e Integração nos Bairros ocorridos em 2013 e finalizou o ano de 2013 com um saldo positivo de atendimentos ao público e a conclusão de dois livros intitulados Anais da Câmara Municipal de Uberaba–1856 a 1900 e EPAMIG na Vanguarda da Pesquisa. Além disso, foram publicados artigos em jornais da cidade referentes aos 13 de maio, A festa da Abadia e o Aniversário de Uberaba.
A Superintendência estabeleceu um projeto em parceria com o Arquivo Público Mineiro, a SECTES (Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e a FAPEMIG (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais) para a implantação da Hemeroteca Digital, que contemplará também os laboratórios de Restauro e de Digitalização. A Superintendência pretende digitalizar primeiramente o Jornal Lavoura e Comércio.
Em novembro de 2013, a Superintendência de Arquivo Público foi agraciada com o Certificado de primeiro lugar da Prefeitura de Uberaba no Concurso de “Melhor Espaço em Vivência em Valores Humanos”.

Marta Zednik de Casanova
Superintendente de Arquivo Público
                                                                                              

Nenhum comentário: