quarta-feira, 11 de agosto de 2010

NOSSA SENHORA DA ABADIA - A PADROEIRA DE UBERABA

A festa religiosa de Nossa Senhora da Abadia reflete a devoção popular a essa Santa, padroeira de Uberaba, e protetora do povo. A religiosidade do uberabense também se encontra expressa nessa manifestação fervorosa. O culto a Nossa Senhora da Abadia teve origem nas imediações da cidade de Braga, Portugal e remonta ao século XII. No século XVI, no início da expansão colonial portuguesa foi difundido nas regiões colonizadas. No Brasil, o culto aos santos é uma tradição trazida de Portugal.
Segundo escritores uberabenses, a devoção popular a Nossa Senhora da Abadia iniciou-se, em Uberaba, em 1881 e perdura na contemporaneidade.

Por intermédio do Capitão Eduardo José de Alvarenga Formiga e com o aval da Câmara Municipal, em 11 de agosto de 1881, foi concedida a licença para erigir a capela no Alto da Misericórdia.

A primeira missa, em 15 de agosto do mesmo ano, foi celebrada pelo Cônego Santos, diante de um cruzeiro, levantado no local onde, futuramente, seria construída a capela. Um ano após, em 15 de agosto de 1882, a imagem da Santa foi benta e realizou-se a primeira festa, em homenagem a Nossa Senhora da Abadia.

A capela foi entregue, em 1899, aos padres Agostinianos Recoletos que permaneceram no Santuário até 1915. No dia 16 de julho de 1921, por meio de um decreto de Dom Eduardo Duarte e Silva foi criada a paróquia de Nossa Senhora da Abadia, desmembrada da paróquia primeva de Santo Antônio e São Sebastião.

Desejoso de entregar o Alto da Abadia a um Instituto Religioso, o sr Bispo Dom Frei Luiz Maria Santana convidou os Padres Estigmatinos a aceitarem a missão. Convite aceito, o “Bispo confiou à Congregação dos Padres Estigmatinos a paróquia da Abadia pleno jure” (PRATA, 1987) e, em 1935, o Santuário recebeu os Padres Albino Sella, João B. Consolaro e o Irmão Pedro Bianconi. Atualmente, os padres Estgmatinos continuam à frente do Santuário.

A Lei Municipal 10.196, de 14 de agosto de 2007, instituiu Nossa Senhora da Abadia como padroeira de Uberaba.

Cíntia Gomide Tosta


foto 1 - década de 1920
foto 2 - década de 1940
foto 3 - década de 2000


Nenhum comentário: