quinta-feira, 8 de março de 2012

08 de MARÇO - DIA INTERNACIONAL DA MULHER


Cíntia Gomide Tosta
O dia Internacional da mulher é uma data oficializada pela Organização das Nações Unidas – ONU, em 1975. Sua origem está associada à luta por direitos trabalhistas de operárias americanas, em Nova Yorque, e ao II Congresso Internacional das Mulheres Socialistas, ocorrido na Dinamarca, em 1910. Segundo alguns pesquisadores, nesse Congresso, a data de 08 de março foi escolhida como marco das lutas e conquistas femininas.
No Brasil, as mulheres passaram a ter direitos políticos, como o voto, na reforma constitucional de 1932, no governo de Getúlio Vargas. Em setembro de 2006, na gestão do então Presidente Luiz Ignácio Lula da Silva, entrou em vigor a Lei Maria da Penha em defesa da luta contra a violência doméstica sofrida pela mulher.
O APU homenageia as mulheres, nas figuras históricas de duas pioneiras no trabalho pela formação e desenvolvimento da jovem Uberaba: Dona Eufrásia Gonçalves Pimenta, que, em 1815, fundou a primeira escola de instrução primária particular, para as jovens uberabenses, cujo currículo escolar era composto de conteúdos como leitura, bordado, “teçumes” (PONTES, 1992) e D. Francisca Angélica Teixeira Junqueira, que, em 1856, foi referência de trabalho voluntário na construção do Cemitério são Miguel e, em 1859, benemérita na edificação da Santa Casa de Misericórdia (PONTES, op. cit)

Referências:
PONTES, Hildebrando de Araújo. Vida, Casos e Perfis. Uberaba: Arquivo Público de Uberaba, 1992.
http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/dia-internacional-da-mulher/dia-internacional-da-mulher-1.php

Um comentário:

Maria Sandra Bastos Siqueira disse...

Bom dia!

Gostaria de acrescentar ao rol de mulheres Uberabense a serem homenageadas a Senhora Lucilia Soares Rosa. Mulher a frente de seu tempo. Lutou pela ideal da igualdade e pela fratermidade. Participou ativamente nos movimentos politicos da cidade de Uberaba, do Estado de Minas e do Brasil. Membro do Partido Comunista " Luciola teve contato com as idéias socialista já na infância dos longínquos anos de 1920, em uma uberaba controlada pela aristocracia rural, cidade muito pequena e que respirava sob o clima pesado de um religiosismo catolico sufocante, preconceituoso e retrógrado"(Lucilia Rosa Vermelha-2011).